21/02/10

BATHORY (Swe) - Bathory - 1984

O Bathory tem sua história cercada de mistério, pouco se sabe sobre o assunto, principalmente sobre o line-up. O que se sabe é que o Bathory foi idealizado em 1983 pelo multi-instrumentista sueco Quorthon (Tomas Forsberg) e dois amigos, apenas por diversão, tornando-se um projeto de estúdio, gravando álbuns, mas não se apresentando em shows. O nome Bathory vem de uma condessa chamada Elizabeth Bathory, nascida em 1560, que morava em um castelo na Hungria e como diz uma lenda, banhava-se no sangue de virgens, acreditando ser o segredo do rejuvenescimento. “Bathory” é um álbum de black metal clássico e segundo Quorthon, o seu objetivo era misturar a influência das letras do Black Sabbath com a velocidade do Motörhead, de uma forma bem agressiva, basicamente, foi isto que aconteceu. Musicalmente, as comparações entre Bathory e Venom são inúmeras, mas cópia não (e muitos insistem inutilmente nisto). Claro, o Venom é um dos pioneiros do estilo, mas a música do Bathory é mais extrema e as letras mais blasfemas. Gravado em apenas três dias e lançado em outubro de 1984, o álbum traz uma curiosidade; a capa era para ser preta e dourada, mas como iria ficar muito caro, o logotipo foi impresso em branco. Apenas 700 capas com o bode em amarelo, conhecida como “The Yellow Goat”, foram feitas, uma raridade altamente valiosa. Sem dúvida, um dos discos mais representativos e influentes da historia do Black Metal. Essencial!
01-Storm Of Damnation
02-Hades
03-Reaper
04-Necromansy
05-Sacrifice
06-In Conspiracy With Satan
07-Armageddon
08-Raise The Dead
09-War
10-Outro
http://www.megaupload.com/?d=HD2F9AFH

2 comentários:

  1. Caras, muito obrigado. Lembro - me de ter pedido há alguns dias para postarem algo do Bathory e vocês vêm com o melhor álbum deles já de cara. Muito obrigado! O blog de vocês é incrível... Poucos na internet têm a iniciativa de postar cds tão maravilhosos e sempre com uma resenha inteligente e informativa, tirando qualquer dúvida que possa ficar nas nossas cabeças "headbangers"! Muito obrigado, abraço a todos e vida longa ao Powerhead!

    ResponderExcluir
  2. Não há de que Willian, foi um prazer atender o seu pedido.E muito obrigado pelos comentários.
    Comentários como os seus, são fundamentais para
    continuidade do blog.Obrigado amigo continue
    sempre com a gente.Abraço!

    ResponderExcluir